Vereadores de Itaporã solicitam atendimento biométrico para que a população não necessite ir até Dourados

  • 17/04/2019 07:58
  • Brasil
O TRE ordenou o cadastramento biométrico obrigatório em 18 cidades de MS em 2019.
Vereadores de Itaporã solicitam atendimento biométrico para que a população não necessite ir até Dourados

Vereadores de Itaporã solicitam atendimento biométrico

A Presidente da Câmara Municipal de Itaporã, Célia Frota, juntamente com o apoio dos demais vereadores, apresentou um pedido de atendimento biométrico itinerante, alegando a dificuldade da população em se deslocar até a cidade de Dourados, visto que Itaporã não possui cartório eleitoral.

Lembrando que a revisão eleitoral e o cadastramento é obrigatório, ordenado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS). O cadastramento biométrico está acontecendo em dezoito cidades do estado. Somados, um total de 532.567 eleitores. 

A biometria é uma segurança à identificação do eleitor no momento da votação. O leitor biométrico acoplado à urna eletrônica confirma a identidade de cada eleitor, comparando o dado fornecido (impressões digitais) com todo o banco de dados disponível. As pessoas que não fizerem o cadastramento terão o cancelamento do título de eleitor, o que poderá acarretar em prejuízos na vida civil.

Vale ressaltar que está prevista a revisão biométrica para o município a partir do segundo semestre de 2019, onde com uma logística diferenciada e apoio do Tribunal Regional Eleitoral, provavelmente será realizado o atendimento local dos eleitores.

Itaporã News

Comentários:

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas de Câmara Municipal de Itaporã.